Estados Gerais da Cultura estão juntos na luta pela Escola de Cinema Darcy Ribeiro

Artistas, intelectuais, profissionais que representam os Estados Gerais da Cultura expressam apoio irrestrito à luta pela manutenção da Escola de Cinema Darcy Ribeiro, no Rio de Janeiro, no edifício que ocupa há mais de 20 anos, que pertence ao Correio. O movimento considera absurdo o despejo de uma escola que é centro de formação e excelência, também uma conquista do cinema brasileiro. “É uma loucura tirarem a escola com aquele padrão de qualidade do prédio cedido por comodato pelo Correio só para acrescentar valor na privatização do Correio”, afirma o cineasta Silvio Tendler. “Estamos juntos nesta luta maravilhosa e vamos honrar a memória deste pensador que foi Darcy Ribeiro”.

A desocupação da escola é mais uma demonstração de descaso do governo pela cultura, assim como a intenção de fragilizar a identidade de nosso povo.

Veja outras notícias
Notícias
Menu